O rato
Um bêbado ao chegar em casa decide tomar um copo
d'agua. Porém devido a seu estado etílico, e da
pressa, não observa que no copo havia um pequeno rato
vivo, o qual acaba engolindo-o.

Ao notar o que, havia acontecido ele fica quase bom e
sai apressado, entrando no primeiro hospital que 
encontra. Na realidade ele entrou num hospício e o
primeiro "médico" que encontrou, não era médico, era
um maluco vestido de branco.

Então o bêbado, ainda apavorado, explica o que
aconteceu ao "médico". Este apanha um pedaço de papel
escreve a receita e devolve ao bêbado que vai direto a
uma drograria para preparar o medicamento prescrito.

O farmacêutico ao ler a receita pergunta qual era o
seu problema. Após a explicação do bêbado o
farmacêutico ri e diz:

- Faz sentido.

O doido havia escrito:

"Tomar um gato de duas em duas horas e colocar uma
ratoeira no cú."