Armadilha econômica



Aquele rapaz de tão pobre vivia numa casa infestada de ratos.

Um dia resolveu dar um fim nos animais. Arranjou uma ratoeira emprestada, mas, como não tinha queijo para colocar, ele teve uma idéia brilhante: colocou um papel, onde se lia: "Vale um Queijo".

Ao acordar no dia seguinte, foi conferir a ratoeira e encontrou um outro papel: "Vale um rato!".