O caminhoneiro estava no seu leito de morte e pergunta a mulher, com voz moribunda:
- Mulher, sei que estou morrendo e nada disso mais me importa agora, mas só por curiosidade, você já me traiu alguma vez na vida?
Ela enrubesceu, titubeou, mas acabou confessando a verdade:
- Sim, meu marido! Eu te traí sim, mas apenas duas vezes e somente para te ajudar.
- Como foi a primeira? - indagou o marido.
- Você se lembra daquela vez que pediu um empréstimo ao banco para trocar o caminhão e eles não liberavam nunca o dinheiro e você já estava ficando
desesperado? E de repente o dinheiro foi liberado de uma hora para outra?
- Sim... Tem razão, foi por uma boa causa, naquela época eu estava até pensando em me suicidar. E a outra vez?
- Você se lembra quando se candidatou a presidente do sindicato, e faltavam apenas 165 votos para vencer?